Espinho esplanada

A.A.E. - Associação Académica de Espinho
 
Rinque onde jogava a AAE

A Associação Académica de Espinho é uma colectividade desportiva e cultural, fundada em 22 de Janeiro de 1938 por um grupo de 25 jovens estudantes, com idades compreendidas entre os 14 e os 20 anos. É considerada de Utilidade Pública nos termos do Decreto de Lei n.º 460/77 de 07 de Novembro, por despacho do Primeiro-ministro de 15 de Setembro de 1978, publicado no Diário da Republica n.º 222, II Série de 26 de Setembro de 1978.

A Associação Académica de Espinho tem por fins a promoção, o desenvolvimento e a prática da educação física, do desporto e da cultura e recreio. Desde a sua fundação muito teve que lutar para conseguir uma Sede e um Campo de jogos que permitisse o desenvolvimento da sua actividade desportiva. O seu primeiro recinto desportivo foi o Rink de Patinagem que lhes foi entregue, a titulo precário, pela Câmara Municipal e que se situava junto à praia, entre as ruas 2 e 4.

Mundial de 1960

Em Setembro de 1969, inaugurou a sua «casa de trabalho», o Pavilhão Gimnodesportivo « Arquitecto Jerónimo Ferreira Reis», etapa magnifica para o Clube que lutou corajosamente durante 30 anos, em condições deficientes, pela juventude de Espinho.

A Associação Académica de Espinho, dentro do campo desportivo, dedicou-se às chamadas “modalidades desportivas pobres”, afinal bem ricas pelo seu valor real, tendo actualmente em funcionamento secções de Voleibol (desde 1939), Hóquei em Patins (1940), Hóquei em Campo (1941), Ginástica (1958), Ténis (1983), Xadrez (1976), Campismo (1949), Hip-Hop, Tai-Chi, e Badminton.
Teve a iniciativa da fundação da Associação de Voleibol do Porto, é co-fundadora da Associação de Patinagem do Norte, actualmente Associação de Patinagem do Porto, de que é o terceiro filiado mais antigo; e é igualmente co-fundadora da Associação de Ginástica do Norte.

Das suas Escolas saíram inúmeros atletas que atingiram a internacionalização, nomeadamente, Victor Hugo, Vladimiro Brandão, em Hóquei em Patins, Miguel Maia e João Brenha, em Voleibol, José Catarino e Hugo Gonçalves em Hóquei em Campo, Sílvia Saiote e Ana Simões em Trampolins (Campeãs do Mundo).


Já teve em funcionamento secções de Atletismo, Natação, Basquetebol, Pesca Desportiva, Automobilismo, Ténis de Mesa e Futebol.
Como instalações desportivas possui um Pavilhão coberto com recinto para Hóquei em Patins outro para Voleibol e quatro Ginásios, dois Courts de Ténis descobertos. Em projecto em andamento, pretende construir um novo Pavilhão em terrenos de que é proprietário. 
O Clube possui para transporte dos seus atletas três carrinhas de 9 lugares cada.

De entre os títulos conquistados podemos referir:

  • Campeões Europeus em Hóquei de Sala (dois títulos).
  • Vencedor da Taça Europeia em Hóquei Campo (1)
  • Campeão Nacional em Seniores de Hóquei Sala (7)
  • Campeão Nacional Juniores Hóquei Sala (6)
  • Campeão Nacional Hóquei em Patins, Juniores (1)
  • Campeão Nacional Voleibol Seniores (1)
  • Campeãs Mundiais Duplo Mini-trampolim
Jogo AAE e FCP

As modalidades com mais praticantes são o Hóquei em Patins e o Voleibol e as Ginástica, que desenvolve a sua actividade em todos os escalões etárias.
Publicou, de 1947 a 1953, o seu jornal «O Rumo» - Boletim da A.A.E., que teve um lugar de destaque na imprensa de Espinho, pelo nível atingido. Levou a efeito, quando se temia a sua organização, as Festas de Nossa Senhora da Ajuda – Festas do concelho.

Mantém presentemente uma Escola de Ballet dirigida superiormente por Prof. Adriana Domingues e que tem o seu nome.

A Associação Académica de Espinho, vem praticando uma política financeiramente muito equilibrada, tendo sempre presente nas contas de gestão os condicionalismos de um Clube pequeno em termos de associados, mas com um passado de que se orgulha, um presente que é muito animador perspectivando um futuro muito promissor.

 
 
 
 
2012 ©A.A.E. - Associação Académica de Espinho - Todos os direitos reservados J.M.F. Informática